Acontece Hoje (27) no Piauí a celebração do dia em Memória às Vítimas da Covid-19

O Piauí celebra hoje domingo (27/03), o Dia Estadual em Memória às Vítimas da Covid-19. A data foi escolhida porque marca o primeiro óbito pela doença no estado, no ano de 2020, e foi incluída no Calendário Oficial de Eventos com a sanção da Lei nº 7.739/22, apresentada pela deputada Teresa Britto (PV) e aprovada pela Assembleia Legislativa. A doença vitimou mais de 7.700 pessoas no Piauí, que fazem parte do triste registro de mais de 658 mil mortes pela doença em todo o Brasil. “O objetivo de instituir essa data é prestar uma homenagem às pessoas que perderam a vida para a Covid-19, esse inimigo invisível que trouxe, além do medo, tensão e isolamento social, um rastro doloroso de lembranças”, afirma Teresa Britto.

Luto

A psicóloga Regina Reis ressalta a importância de oferecer ajuda àqueles que perderam entes queridos em razão da pandemia. “A vida não é mais a mesma depois que se vive o luto, pela perda de algo muito significativo. E o surgimento da pandemia trouxe o luto em grandes proporções. Como ajudar os sobreviventes do luto por covid? Primeiro é importante a gente respeitar o tempo e o ritmo de cada enlutado. Algumas pessoas até conseguem retomar as suas atividades mais rapidamente, mas outras apresentam mais dificuldade”, explica.

Regina Reis destaca que é fundamental ouvir a pessoa, sem interromper, sem fazer julgamentos sobre o que ela deve ou não fazer. “O enlutado tem a necessidade de falar da sua saudade e é melhor que ele fale. Além disso, contar com pessoas amigas. É muito importante a pessoa se sentir pertencida, se sentir útil. E, se ficar muito difícil, se oferecer para acompanhar o enlutado até um profissional. E, ainda, a vivência da espiritualidade, a prática da fé, ajuda significativamente, para que a pessoa possa ir buscando novos sentidos”, pontua a psicóloga.

 

 

 

 

 

 

 

 

Informações – Ascom

%d blogueiros gostam disto: