Presidente da OAB

Advogados cobram a saída imediata.

“Ele já passou de todos os limites que a ética, a moral, e o cargo lhe impõem”, diz o ex-dirigente Charles Dias.

 

Advogados cobram a saída imediata do presidente da OAB

Habituada a pedir impeachment de presidentes da República, à exceção de Lula e Dilma, claro, a OAB nacional vive hoje um momento incomum, com o avanço de uma campanha para afastar seu próprio presidente, Felipe Santa Cruz.

“Ele já passou de todos os limites que a ética, a moral, e o cargo lhe impõem”, diz o ex-dirigente Charles Dias, um dos muitos advogados indignados, fazendo coro com a campanha “#forafelipesantracruz, Nossa OAB você não representa” nos Estados. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Felipe Santa Cruz é acusado de tentar desesperadamente premiar um ex-funcionário “arquivo vivo” com R$600 mil e mais R$17 mil mensais.

A repulsa a Santa Cruz ocorre no momento em que a OAB não admite voto direto para que quase 1 milhão de advogados elejam o seu presidente.

Ao presidir a OAB, a eminência parda Marcus Vinicius Furtado Coelho prometeu publicamente que seu sucessor seria eleito pelo voto direto. Era lorota.