Temer comemora PIB e diz que agora emprego é que trará ‘as boas novas’

Segundo IBGE, PIB no país cresceu 1% nos três primeiros meses do ano, a primeira alta após oito trimestres de queda. Para ele, resultado é melhor do que o previsto por analistas.

O Brasil saiu da recessão. Esta é a boa nova que partilho hoje com os brasileiros. Estamos crescendo e logo a boa notícia será o emprego

A alta foi de 1% nos três primeiros meses de 2017, na comparação com os três últimos de 2016. Foi o primeiro resultado positivo após oito trimestres seguidos de queda no PIB. Tecnicamente, a alta tira o país da recessão.

“O Brasil venceu a recessão, estamos crescendo e é uma taxa superior ao que boa parte dos analistas previam. Há pouco mais de um ano, quando eu assumi a Presidência da República, o Brasil estava mergulhado na mais profunda recessão de sua história. O número de hoje marca o renascimento da economia brasileira em bases sólidas e sustentáveis”, afirmou o presidente no vídeo.

Segundo Temer, o resultado do PIB é resultado de um ano de trabalho de seu governo “em sintonia com o Congresso Nacional”.

O presidente disse aguardar, agora, sinais de recuperação no emprego. “Estamos crescendo e logo será o emprego a nos trazer as boas novas. Mais renda, mais trabalho. Que o fruto do nosso trabalho seja a recompensa de nossos esforços em prol do Brasil”, disse.

No vídeo, Temer afirmou que a inflação vem caindo e que deverá fechar o ano abaixo do centro da meta fixada pelo Conselho Monetário Nacional. Para o presidente, a inflação baixa significa mais poder de compra.

O presidente também comemorou a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom), tomada na quarta (31), de reduzir a Taxa Selic, o índice básico para calcular os juros da economia brasileira, de 11.25% para 10.25% ao ano.

“Menor inflação, juros em queda, conquistas de um ano de trabalho. O Brasil saiu da recessão e esta é a boa notícia que quero partilhar hoje com a sociedade brasileira”, concluiu o presidente.

Veja a íntegra da fala de Temer:

O IBGE divulgou na manhã de hoje os dados oficiais de crescimento para o primeiro trimestre deste ano. E nossa economia cresceu 1%. Este foi o primeiro numero positivo depois de dois anos consecutivos de queda no PIB. Ou seja, as riquezas que o país produz. Isto é o PIB.

O Brasil venceu a recessão, estamos crescendo e é uma taxa superior ao que boa parte dos analistas previam.

Há pouco mais de um ano, quando eu assumi a Presidência da República, o Brasil estava mergulhado na mais profunda recessão de sua história. O número de hoje marca o renascimento da economia brasileira em bases sólidas e sustentáveis. Este número é resultado de um ano de trabalho. Trabalho do meu governo em sintonia com o Congresso Nacional, ouvindo a sociedade para promover as reformas adiadas por tanto tempo.

O crescimento registrado pelo IBGE é uma conquista de todos os brasileiros. Com responsabilidade social e fiscal conseguimos voltar a crescer. Nossa inflação, hoje sob controle, encerrará o ano abaixo do centro da meta. E o que significa isso? Mais poder de compra. Você poderá utilizar melhor o seu dinheiro.

O controle da inflação também permitiu a queda da taxa básica de juros. Ontem, nós assistimos a decisão unânime do chamado comitê de politica monetária, que reduziu a taxa Selic de 11,25% para 10,25% ao ano. Esta foi a sexta queda consecutiva da taxa Selic de juros desde outubro do ano passado, quando se encontrava no patamar de 14,25%.

Menor inflação, juros em queda, conquistas de um ano de trabalho. O Brasil saiu da recessão e esta é a boa notícia que quero partilhar hoje com a sociedade brasileira. Estamos crescendo e logo será o emprego a nos trazer as boas novas. Mais renda, mais trabalho. Que o fruto do nosso trabalho seja a recompensa de nossos esforços em prol do Brasil.

Fonte: g1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *